Pular para o conteúdo principal

Livro "A Verdade sobre os Mórmons" será lançado hoje!

a verdade sobre os mórmonsUm novo livro "A verdade sobre os Mórmons" por Elias Rozendo, será lançado hoje. Não é um livro oficial da Igreja, mas tem o condão de tratar de assuntos históricos e doutrinários e aspectos da cultura mórmon. Confira uma pequena entrevista com o autor.
Elias Rozendo, mineiro, conheceu a Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias (mórmons) em Manaus-AM e serviu como missionário da Igreja em Santa Maria-RS. Ele contou que recebeu inspiração para escrever o seu primeiro livro.

Teologia Mórmon: Este livro é sobre qual assunto?
Elias Rozendo: Este livro discute o ponto de vista das principais religiões do Brasil e do mundo a respeito de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias (Os Mórmons) e sua doutrina, já que a mesma declara ser a única Igreja verdadeira e que pode ajudar os filhos de Deus a voltarem a presença de Deus por meio de princípios e ordenanças.

Teologia Mórmon:: Então ele é dirigido para o publico que não é membro da Igreja?
Elias Rozendo: Sim. Mas também é para os membros da Igreja. Ao estudar este livro você entenderá melhor os princípios e ordenanças, ensinado pelos Profetas do Velho Testamento e os Apóstolos do Novo Testamento; assim como as revelações modernas, sobrepujando então os ensinamentos e doutrinas (...) pregada por diversas religiões do mundo. Cumprindo o escrito ''conhecereis a VERDADE e a VERDADE vos libertará'' (João 8:32)

Teologia Mórmon:: Com surgiu a ideia de fazer este livro?
Elias Rozendo: O livro ''A Verdade sobre os Mórmons'' é baseado na obra de A. Melvin McDonald, que nos meados do ano de 1950 criou o seu primeiro livro '' The Day Of Defense'' (O Dia da Defesa); estive conversando com o irmão Melvin há algum tempo e o mesmo me autorizou à reescrever o livro, e ampliá-lo. Tive a ideia de fazê-lo na época em que tive problemas de saúde enquanto servia como missionário da Igreja, na Missão Brasil Santa Maria-RS. "

Teologia Mórmon:: Você disse que esta reescrevendo o livro "Dia da Defesa"...
Elias Rozendo: Sim, mas não é o mesmo livro. Por isso ele não pode ser considerado uma versão estendida e revisada somente... Ele é um novo livro, com vários acréscimos. Por isso se chama: "A Verdade Sobre os Mórmons". Trata-se de um livro doutrinário. Só pelo titulo fica difícil saber se esta falando mal ou bem sobre o mormonismo. E isso é proposital...

Teologia Mórmon:: Aqueles que estão se preparando para missão se aproveitariam do seu livro?
Elias Rozendo:  "A Verdade Sobre os Mórmons" é um livro doutrinário destinado a todos, mesmo os amigos que não são da Igreja. Mas eu pessoalmente desencorajo os missionários de tempo integral a fundamentarem todos os seus ensinamentos nele. Presto testemunho que o livro ''Pregar Meu Evangelho'' foi escrito pelo dedo de Deus. O Senhor inspirou os Apóstolos e Profetas modernos a escrevê-lo. Na conferência geral de abril de 2015 o Élder Ulisses Soares Da Presidência dos Setenta, ensinou: "Relembro que, sempre que meu companheiro e eu tentávamos provar algo para as pessoas, o Espírito de Deus nos deixava e nos sentíamos totalmente perdidos e confusos. Sentimos que deveríamos alinhar mais firmemente nosso testemunho com as verdades do evangelho que estávamos ensinando. Daquele momento em diante, lembro que, quando prestávamos testemunho de todo o coração, um sereno poder confirmador proveniente do Espírito Santo enchia a sala e não havia espaço para confusão nem discussão. Aprendi que não há nenhuma força maligna capaz de confundir, enganar ou subverter o poder de um testemunho sincero proferido por um verdadeiro discípulo de Jesus Cristo."

Teologia Mórmon:: Como as pessoas interessadas podem saber mais sobre o livro?
Elias Rozendo: É simples! As vendas já estão acontecendo pelo site da Editora Baraúna. E temos uma página no Facebook.




Postagens mais visitadas deste blog

Uma ponderação sobre a excomunhão de uma Autoridade Geral

Com grande tristeza, por meio do porta-voz da Igreja, Eric Hawkis, soubemos de que James J. Hamula foi excomungado da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Veja a notícia no site oficial da Igreja aqui. James J. Hamula [1] serviu por quase nove anos como uma Autoridade Geral da Igreja, um membro do Quorum dos Setentas. Fazia 28 anos que nenhuma Autoridade Geral era excomungada da Igreja. Certamente a notícia é triste [2], mas ensina lições importantes – que em vez de abalar, podem fortalecer a fé na obra de Deus. Recomendo a leitura deste artigo antes de prosseguir: https://mormonsud.net/voltando-a-igreja/pensamentos-sobre-a-excomunhao/

OS LÍDERES NÃO SÃO PERFEITOS, MAS A OBRA DE DEUS É Fiquei um pouco aborrecido com o sensacionalismo criado em torno da notícia da excomunhão do irmão Hamula. Sei que é algo incomodo, até perturbador. Alguns ficaram preocupados com a imagem da Igreja, outros, mais sensíveis, com a exposição do irmão Hamula e de sua família. Evidentemente n…

Joseph Smith disse ser maior do que Jesus Cristo?

Joseph Smith é o Profeta da Restauração. Quando era apenas um jovem, um anjo lhe disse que seu "nome seria considerado bom e mau entre todas as nações, tribos e línguas, ou que entre todos os povos se falaria bem e mal de [seu] nome." [1]
Não é de se admirar que falem tão mal sobre o Profeta. Comentando sobre isso, o Elder Neil L. Andersen, do Quorum dos Doze Apóstolos, disse:
“Seria de estranhar o mal que é falado contra ele [Joseph Smith]? Do Apóstolo Paulo foi dito que era louco e delirava. Nosso Amado Salvador, o Filho de Deus, foi rotulado de comilão, beberrão e endemoniado. O Senhor disse a Joseph, quanto a seu destino:
“Os confins da Terra indagarão a respeito de teu nome e tolos zombarão de ti e o inferno se enfurecerá contra ti;
Enquanto os puros de coração e os prudentes (…) e os virtuosos procurarão (…) bênçãos sob tuas mãos constantemente”.
Por que o Senhor permite que o mal seja falado ao mesmo tempo que o bem? Um dos motivos é que a oposição às coisas de Deus …

Nepotismo e o Evangelho de Jesus Cristo

Nepotismo é definido como favorecimento de parentes em cargos de responsabilidade. Uma pessoa que possui determinada posição ou cargo de poder beneficia os que possuem vínculo de parentesco - com um emprego, um cargo, um função, uma posição de destaque ou uma responsabilidade. Trata-se de uma prática ruim, pois geralmente desconsidera o mérito e os talentos para levar em consideração os laços familiares.


O evangelho de Jesus Cristo - que é o Plano de Deus para salvação do homem - ensina que todos os homens são iguais perante Deus (Jó 34:19, Atos 10:34, D&C 38:16 e 26) - irmãos e irmãs - porém, possuem talentos diferentes  (Mateus 25:15) - de modo que podem contribuir no Reino de Deus de maneira diversa (1 Coríntios 12:12-27).

Deus organizou Sua Igreja com diversos cargos para "o aperfeiçoamento dos santos, para a obra do ministério, para a edificação do corpo de Cristo, [para que] todos cheguemos à unidade da fé, e ao conhecimento do Filho de Deus, a homem perfeito, à medida …