Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2016

DIFERENÇAS ENTRE A IGREJA UNIVERSAL E OS MÓRMONS

Vários dos membros conversos da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias antes pertenciam a Igreja Universal. Também, muitas das pessoas que os membros do Brasil se relacionam pertencem a esta denominação evangélica. Portanto, é muito proveitoso compreender melhor as crenças e costumes da Igreja Universal.


A IGREJA UNIVERSAL A Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) é uma denominação cristã, neopentecostal (evangélica) que surgiu no Brasil em 9 de julho de 1977. É a maior congregação evangélica de nosso país, segundo estimativas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a IURD tem mais de seis mil templos, 12 mil pastores e 1,8 milhão de fiéis ao redor do país. São cerca de 8 milhões de seguidores e 15 mil pastores em 105 países (segundo estimativas próprias) [1]. Além disso, a Igreja Universal possui muitas empresas: "A Rede Aleluia, a qual pertence a Igreja Universal, possui mais de 76 emissoras de rádio AM e FM, que cobrem mais de 75% do território …

Adão, o Arcanjo

Por Élder Mark E. Petersen, que serviu no do Quorum dos Doze Apóstolos

O artigo abaixo foi extraído de um discurso da 150º Conferência Geral da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, em 1980. A ortografia foi atualizada. Na época haviam sido divulgadas doutrinas falsas a respeito de Adão.

Num cálido dia de verão, visitei a terra de Adão-Ondi-Amã, no estado do Missouri. Como nunca
estivera ali, antecipei ansiosamente essa visita. O lugar estava lindo — campos verdejantes cobrindo o ondulado das colinas, uma paisagem inesquecível. Porém, muito mais impressionante que a paisagem era a importância do lugar, pois ali havia vivido Adão, com Eva e seus filhos. A estupenda significação disto pesou fortemente sobre mim. Foi aqui que começou a raça humana. Isto sabemos por revelação. (Moisés 1:34; D&C 107:53; 84:16.)

Adão e Eva conheciam Deus pessoalmente. Viram-no e falavam com ele. Já naquela época foram instruídos no evangelho de Jesus Cristo — muito, muito antes do ministér…

Oração dedicatória do Brasil

Este artigo foi originalmente publicado no site da Igreja na versão brasileira. Clique aqui para acessar.

O Apóstolo Ezra Taft Benson, na época Presidente do Quórum dos Doze Apóstolos, quando se preparava para visitar Brasília para organizar a Estaca Brasília Brasil, pesquisou os acontecimentos históricos que envolviam a Igreja em nossa pátria e verificou que até então o continente sul americano e não o Brasil especificamente havia sido dedicado à pregação do evangelho pelo Élder Melvin J. Ballard, apóstolo que visitou a Argentina em 1925.

Assim, o Presidente Benson, após organizar a primeira estaca do planalto central brasileiro, em companhia de sua comitiva, deslocou-se da capela para o Parque Rogério Píton Farias, local escolhido por ele. E às 13 horas e 45 minutos do dia 12 de outubro de 1980, sob intensa chuva, após fervorosa oração proferida pelo irmão Dirceu Atanásio Pontes, primeiro conselheiro da Missão Brasil Rio de Janeiro; depois das palavras inspiradas do Élder Hélio da R…

Equilíbrio na História da Igreja

Este artigo foi originalmente publicado na Revista A Liahona de Junho de 2013. Para acessar o artigo original clique aqui.


Élder Steven E. Snow
Historiador da Igreja e Membro dos Setenta


A maioria esmagadora das evidências históricas da Igreja é positiva e edificante. Em seu contexto completo, a história da Igreja é absolutamente inspiradora.

Gosto de ler relatos históricos dos primeiros membros da Igreja que deixaram para trás seu lar e, com muito sacrifício, uniram-se aos santos. Acho suas histórias tocantes e me fortaleço muito ao aprender sobre o que eles sofreram para viver e demonstrar sua fé, seguindo os profetas e fazendo coisas difíceis. Quando lemos sobre as provações pelas quaiseles passaram, de alguma forma nossa situação na vida parece bem menos difícil.

Adoro a história da Igreja. Recentemente, eu a tenho lido mais do que nunca, e me sinto fascinado e edificado. É absolutamente surpreendente, por exemplo, o que os primeiros missionários realizaram, sem nenhum outro recurs…

Desmascarando o blog "Vozes mórmons" e a ABEM

Encontrava-me, há algum tempo, em um dilema interno: deveria eu escrever um artigo desmentindo as infâmias e apostasias do blog "Vozes Mórmons", mantido pela "Associação de Estudos Mórmons - ABEM) ou não? 

Explico.

"Vozes Mórmons" é uma iniciativa nada nova: um grupo de pessoas que visa desacreditar a doutrina mórmon e atacar a cultura dos membros da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias.

Então, se é tão evidente que esse site persegue e denigre a imagem e a crença mórmon qual a razão do meu dilema - de escrever ou não sobre eles, ou melhor, contra eles?

Bem, primeiramente Vozes Mórmons não é um site anti-mórmon comum. Trata-se de um aprimoramento na abordagem apostata:


Vários dos artigos do blog (não todos!) são assinados por um pseudônimo "Vozes Mórmons" o que reveste o verdadeiro autor da máscara do anonimato. Isso é prejudicial, na medida em que "uma de [nossas] maiores proteções contra as más escolhas é não vestir nenhuma másca…

A Partir do Cumora - Evidências Arqueológicas do Livro de Mórmon pelo Profº Hugh Nibley - parte 1

Hugh Nibley foi um dos mais influentes estudiosos do mundo mórmon. Seus trabalhos de pesquisa arqueológica, histórica e teológica são vastos e abrangem um profundo conhecimento em línguas antigas. Não seria exagero dizer que ele é um dos maiores acadêmicos da Igreja. O texto a seguir é parte de vários artigos que foram publicados na revista da Igreja A Liahona, a partir de Junho de 1966. Eles não estão disponíveis no site oficial em português no momento, razão pela qual disponibilizamos a seguir, com a advertência que atualizamos pontuação, grafia e adequamos os parágrafos e atualizamos as passagens das escrituras para a versão das edições recentes, exceto quando isso comprometeria o entendimento do texto. Também notas foram acrescentadas para explicações necessárias entre parenteses com o seguinte símbolo: *NT.

Os trechos são, na verdade, a tradução de um livro de Nibley, lançado pouco tempo depois da fantástica descoberta dos Pergaminhos do Mar Morto e outros.

Esta é a primeira parte …